Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

maedocoracaosoueu

Sex | 22.09.17

OS CLÃ E O PORQUÊ DOS CLÃ

Ainda no sexto ano a professora de apoio de Português da Diana deu-lhe um texto para ela ler com muita atenção e acima de tudo para tentar entender o que ele significava, era a letra da música dos Clã "Os Embeiçados".

A Diana tinha que a ler ir à net,ouvi-la e cantá-la, ora a parte do cantar foi a melhor pois a minha filha canta como um rouxinol.

Também tive curiosidade de ler o texto e ouvir a música, interessante, e consegui entender o porquê daquela música, como a Diana se sentia diferente das outras crianças por frequentar o Ensino Especial, com esta música a professora quis mostrar-lhe que ela não era diferente dos outros e que as pessoas deviam gostar dela tal com era.

No dia 31 de Janeiro desse ano decidimos ir à baixa do Porto celebrar a entrada de um novo ano e os Clã estavam a actuar, mas só os conseguíamos ver pelos ecrãs, não tem nada a ver, e meter-me na confusão perto do palco, nem pensar, além disso a miúda tem pavor a confusões, foge a sete pés.

E não é que por coincidência os Clã no Verão desse ano fora ao Marshopping actuar, lá fomos nós, porque acima de tudo eu gosto de os ouvir, o espetáculo foi muito bom, mas a miúda assim que ouviu a música que lhe interessava ( Os Embeiçados) queria ir embora, não está fora de questão, disse eu quero ver o espetácuo até ao fim.

Assim que terminou houve, penso que é da praxe, uma sessão de autografos, fomos para a fila e quando chegou a nossa vez a Manuela chamou os colegas do grupo para a foto da praxe.

- Não nós não queremos tirar foto,obrigada.

A Manuela ficou admirada, não tirar fostos!!!!!

Expliquei-lhe o porquê de ali estarmos e pedi-lhe apenas para assinar o postal que nos deram com a foto do grupo, a Manuela levanta-se e diz à Diana:

-Diana posso dar-te um abraço?

A pequenita muito envergonhada disse que sim e deram um abracinho, não tenho fotos, não não  tenho, mas tenho sim uma memória fotográfica e este dia ficou gravado na minha memória, e vai ficar gravado neste post para que a Daina também não se esqueça destes pequenos momentos mas que são tão grandes na história de vida dela.