Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

maedocoracaosoueu

Sex | 20.07.18

O OLHAR PODE SER DEVASTADOR!!!!!!!!!!!!

O olhar dos outros pode ser devastador.

Pode minar a nossa existência se não soubermos criar uma liberdade interior que nos permita ver a vida com os nossos próprios olhos.

Temos consciência de que muito do que fazemos ou dizemos está por dizer, armadilhado pelo olhar do outro, mas temos que dar o primeiro passo para nos libertarmos deste embaraço que é seguir às cegas o caminho que os outros escolheram por nós.

Os outros não estão minimamente preocupados com a nossa vida, as nossas opções, não estão interessados de uma forma construtiva como gostavamos que estivessem.

Os amigos verdadeiros, esses aceitam-nos com com as nossas virtudes e defeitos e abstêm-se de nos julgar, os outros estão aqui para nos atrapalhar a vida.

Seja por pose, seja por defesa ou por medo todos sentimos demasiado o peso da avaliação dos outros.

Há quem carregue esse fardo durante muito tempo e chegam a vergar-se à sua própria vontade em detrimento da vontade alheia..

Viver uma vida inteira como os outros querem e não como nós queremos não é de todo a melhor maneira de viver.

Tudo isto porque de certo modo não sentimos liberdade interior para seguir o nosso próprio caminho, dar os nossos passos, com os nossos sapatos, não estamos preparados para enfrentar as criticas alheias, isto porque é intrinseco em nós uma tentação controladora, castradora, que nos "corta as pernas"

Há muita gente que tem um desejo enorme de calçar os nossos sapatos, mesmo que estes não lhes sirvam.

Temos que lutar contra isso.

Muitos acham que lhes compete vigiar a vida dos outros e estar em permanente alerta aos seus desvios, isto porque por norma não têm vida própria ou porque estão sempre ligadas a códigos sociais estritos e demasiado apegadas ao seu estatuto neste mundo.

Infelizmente para elas e para nós tudo aquilo que fazemos a pensar no olhar dos outros raramente fica bem feito.

É raro encontrarmos pessoas com liberdade interior verdadeira, pessoas capazes de viver a sua vida como querem e bem entendem.

Ou seja pessoas integradas e solidárias e profundamente empenhadas em seguir o caminho que traçaram para si próprias, pessoas alinhadas com a sua verdadeira natureza, capazes de cruzar todos os estratos sociais sem se importarem com o que os outros dizem.

Pessoas que ouvem a sua consciência, estas pessoas são uma minoria, mas existem, e cabe-nos a nós saber quem são e como são. Por este motivo vamos evitar o olhar dos outros, olhar que "tolhe" a nossa vida, que prende a nossa alma e não nos deixa seguir em frente, estes olhares são como correntes que nos aprisionam num mundo que não é nosso e no qual não desejamos de todo viver.

 

Resultado de imagem para imagens do olho gordo

Ora e isto diz tudo.

Quem nunca no seu percurso de vida encontrou pessoas assim?