Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

maedocoracaosoueu

Ter | 22.05.18

EM DETRIMENTO!!!!!!!!!!!

Significado de Detrimento

Substantivo masculino :

Prejuízo, estrago material ou moral; perda, dano.

Não concordo muito com esta definição da palavra Detrimento.

Como mãe deixo fazer algumas coisas em detrimento da minha filha.

Não me causa dano,perda,estrago material ou moral.

Para mim prejuizo é a definição mais plausível.

Aqui no Porto começaram as  festas municipais, neste caso e no local onde moro, o Sr. de Matosinhos.

E como toda a adolescente a minha filha pede insistentemente para ir com as amigas.

Não, sozinha com as amigas não vai. Vai comigo.

Sei como a coisa funciona, já passei por isso, mas eram outros tempos, sou uma cota, sim sou, mas eram outros tempos.

Ontem foi com as amigas, mas só o permiti pois foram acompanhadas pela mãe de uma delas e o irmão.

Estas idas ao Sr. de Matosinhos têm o seu custo e não é pouco, devo dizer.

Cada divertimento são 3 euros, e por norma eles gostam de andar em mais que um e nos mais "loucos" possíveis, a minha pelo menos desde pequenina, já com 7 anos só queria esses, eu queria os aviões, aqueles que têm um pedal e que sobem e descem conforme a nossa vontade, ou o dragão, mas mesmo nesse.........medricas, até os pequeninos gostam do dragão.

Paula que vergonha, para quem andava no twister vezes consecutivas, o que se passa contigo?

É a idade, comecei a temer mais, principalmente a temer pela minha vida.

Mas a miúda não, a miúda adora a sensação, a adrelina no seu estado puro.

Faz parte.

Já passei por lá.

Depois é uma ida ao cinema, todos aqueles que têm por hábito ir ao cinema sabem o custo.

Depois são as festas de aniversário.

Isto tem sido uma alegria.

Assim sendo, deixo de fazer coisas que gosto em detrimento da minha filha.

Não quero com isto dizer que ela vá a todas, há limites, como é óbvio.

Tudo com conta peso e medida e sabendo "negociar", sim negociar.

Quer muito uma coisa, não pode fazer outra, não pode mesmo.

Mas também o permito pois como já disse num post anterior só agora é que a minha filha começou a ter amigas e a ser convidada para festas de aniversário e saídas.

Só agora com 16 anos é que ela sabe o que é a amizade e o convivio com os amigos e eu não a posso privar de tal.

Faz parte do crescimento, faz parte daquilo a que chamamos felicidade.

E ela sente-se feliz. 

E o que quer uma mãe para os seus filhos.

Que sejam felizes.

Com uma agravente, também não gosto da palavra agravante, pois esta é uma oportunidade única.

Este ano os pioneiros vão a Itália, vão ao Vaticano estão a angariar dinheiro de modo a que o custo para os pais seja o menor possível, mas é sempre uma despesa, mas esta oportunidade não a vai perder, esta não.

Logo em detrimento da felicidade da minha filha privo-me de fazer coisas que gosto.

Mas ser mãe é mesmo isto não?

 

 

2 comentários

Comentar post