Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mãedocoraçãosoueu

mãedocoraçãosoueu

UMA HISTÓRIA VERDADEIRA!!!!!!!!!!

 
Ele não te bate, mas destrói a tua autoestima a ponto de tu não te achares suficiente.
Faz -te acreditar que não irás conseguir ninguém melhor convence-te que estás sempre errada.

Ele não te bate, mas humilha-te, esgota-te emocional e psicologicamente faz-te sentir culpada por tudo.

Ele não te bate, mas faz-te sofrer e mesmo com alguns momentos bons, vira e mexe, reaparece um tom de voz mais alto, uma palavra que fere, uma desconfiança e depois um carinho e como prenda, um pedido de desculpas.

A promessa da mudança faz-te dar uma nova oportunidade e sabes? Nunca muda.

Relacionamento abusivo não é amor.

Tenho visto tantas pessoas que confundem amor com apego.

Vejo pessoa que confundem controle e posse, acham que são sinónimos de amor.

Não, amor não é isso.

Amor não é ciúme exagerado, não é mandar no que tu vestes, não é humilhar e fazer-te acreditar que não vives sem esse alguém.

Tenho visto muitos relacionamentos abusivos serem confundidos com zelo.
Não entendo e talvez nunca consiga entender, mas compreendo o quanto é difícil ver que isso não é amor, o quanto é difícil chutar o balde e dizer adeus.

Mas, que fique bem claro: quem ama não humilha e nem faz com que tu sejas o problema de tudo. 

Quem gosta de ti não te aprisiona e nem te faz pensar que não existe vida para além daquele relacionamento.

Não sei, mas talvez ele a convença de que ela não é nada sem ele, diz que sente ciúmes e justifica todas as imposições e atitudes grosseiras ao afirmar amar demais.
O “não vais com essa roupa”, ou até mesmo as incontáveis chamadas para saber onde tu estás, têm como  teoria: é muito amor.

Manipulação não é amor, controle não é amor, ordens não são sinónimo de cuidado, o nome disso tudo não é um relacionamento feliz, mas um RELACIONAMENTO ABUSIVO. Não vale a pena estares com quem te faz acreditar que mereces gritos, palavras duras, ordens,insultos, brincadeiras sem graça nenhuma à frente de todos.

Não, não vale a pena dividir a vida com quem te faz acreditar que mereces pouco.

E isto é a história que vos irei contar, não hoje amanhã talvez.

Minha amiga de longa data, minha amiga há 40 anos, vou falar de ti mas sem nunca mencionar o teu nome.

Perdoa-me mas tu mereces que conte a tua história.

No estado em que te encontras.

Não te zangues comigo.

Omitirei o teu nome, como é óbvio.

BEM VINDOS À ADOLESCÊNCIA CAPÍTULO TRÊS

A minha filha, sem exagero, anda com as mesmas sapatilhas à 5 meses, sim 5 meses, comprei-lhas em Julho, portanto acho que não estou a fazer mal as contas.

Comprei-lhe umas sapatilhas de marca, pois como já disse anteriormnete, muitos foram os anos em que lhe comprava o calçado na feira ou era dado, nunca se importou com isso, nem eu, mas de há um ano para cá decidi comprar-lhe umas boas sapatilhas pois ela merece e os pezinhos dela também.

Não vou estar aqui a dizer nomes de marcas, mas todas as miúdas calçam igual, as que calça são azuis mas também tem umas pretas, que mandamos vir pela internet, mas saiu-nos o tiro pela culatra (vou falar sobre este assunto posteriormente) não veio o medelo que ela pediu, e ao fim de uns dias ficaram com um buraco na sola, dá para calçar, mas a miúda ganhou-lhe sisma e não as calça, e não há que a demova.

Assim sendo e como estamos em mais um capitulo da adolescência passo a citar:

-Didi tens que calçar outras sapatilhas, pois essas estão a ficar estragadas.

-Não mãe quando as compramos já estavam assim

-Então isso significa que comprei umas sapatilhas tão caras e vinham estragadas?

-É mãe já vinham assim

-Sério? Nem vou comentar, tu não reparaste?

-Didi, essa roupa fica bem com as pretas, o azul não tá com nada

-As pretas são para educação fisica

-E as que te comprei na Primark? Essas é que são para educação fisica.

-Não gosto delas

-Vamos lá ver, só podes estar a brincar, gasto dinheiro numas sapatilhas para  fisica e agora não gostas? Olha quando vestires preto vais começar a calçá-las

-Achas!!! São horríveis

Já me estava a passar

-Então vais andar com essas até começares a sentir o chão, e depois vê-se.

Como é óbvio vou comprar-lhe outras, mas a sério!!!!!

5 MESES COM AS MESMAS SAPATILHAS!!!!!

BEM VINDOS À ADOLESCÊNCIA

 

Mais sobre mim

foto do autor

Links

  •  
  • Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D