Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

maedocoracaosoueu

Ter | 31.10.17

E VOLTEI,JÁ ME SINTO COM UM BOCADINHO MAIS DE VONTADE. VAMOS FALAR DA DIANA

Paula Rocha
Tal como já tinha dito a Diana a meu pedido, reprovou no 7º ano pelos motivos que já vos contei. Ao reprovar teve uma uma turma nova e uma nova Diretora de Turma - Professora Maria Alice Azevedo, a professora Alice é de Caxinas, Vila do Conde, ora como eu costumava dizer, era pequena , quando digo pequena era por ser baixinha e rabina, que quer dizer despachada. Esta professora para a Diana foi outro anjo que lhe apareceu, a Diana além de mim tem um anjo da guarda, eu acredito nisso, (...)
Ter | 03.10.17

OS TRABALHOS DE CASA

Paula Rocha
Hoje falo deste assunto já muito rebatido assim que iniciaram as aulas, pois ao vistar o blog da Catarina Beato, aliás blog que visito diariamente, além de outros, claroro! para fazer uma análise do que postam, vi um onde a pessoa em questão diz, que é a favor dos trabalhos de casa.- É fácil falar quando se está em casa e não têm um trabalho das 9 às 6,  não se sabe a que horas chegamos, dependendo do local, do trânsito ou transportes públicos, ter que fazer jantar, tratar (...)
Dom | 01.10.17

OS TRABALHOS DE CASA

Paula Rocha
Sabem o que isto é?Sim é um horário escolar, sim é o horário da minha filha, sim tem 2 manhãs livres para ir para o Centro de Estudos.Não , tudo mudou, este é o Horário dos colegas do ensino regular, neste horário vamos acrescentar 3 aulas de apoio extra curricular e o Ensino Especial, assim sendo ficou com uma manhã livre para estudar e fazer trabalhos de casa, que bom não é? Os que são a favor dos TPC de certeza que não têm um filho/filha ni ensino especial, os que são (...)
Ter | 19.09.17

O SEXTO ANO A TRATAR TODOS POR TU

Paula Rocha
A Diana passou para o sexto ano, a miúda gostou de andar no 2º ciclo, o 1º ciclo já não era para ela, mas infelizmente teve que lá andar durante cinco anos. O quinto ano correu bem, os apoios também, os professores e os funcionários, todos eram muito atenciosos com ela, até mesmo,  chegar ao ponto de poder permenecer na portaria a conversar com quem estava de serviço, nunca a chamaram à atenção, pois sabiam de antemão que os colegas já tinham ido para casa ou para os (...)
Ter | 29.08.17

O 5º ANO OS APOIOS E A MALDITA CADERNETA

Paula Rocha
Interrompemos por uns dia a história da Diana no 5º ano, mas agora vamos continuar. Neste ano ainda tinhamos, eu não a pequenita, consultas de desenvolvimento,mas a Diana não estava medicada,tinhamos que deixar terminar o 1º periodo para eu dar um feedback à médica. Entretanto começa o ensino especial, a pequenita não reagiu bem a estes apoios, pois infelizmento os miúdos embora tão novinhos são muito crueis, e por esse motivo chamavam-lhe deficiente, pois associam o ensino (...)
Sex | 18.08.17

PÂNICO VAI COMEÇAR O 5º ANO

Paula Rocha
Ora bem, como é óbvio termina o 4º ano e tendo a Diana já 10 anos não a podíamos reter mais uma vez, logo transitou para o 5º ano, bem se eu tinha uma filha que não tirava positiva às três disciplinas da primária como iria ser com as do 5º ano? Algo abonava a favor da miúda, estava inserida no ensino especial e isso viria a revelar-se muito importante para ela. Quando o ano letivo começa por norma a maioria das crianças  que estão no ensino especial ainda não usufruem (...)