Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mãedocoraçãosoueu

mãedocoraçãosoueu

UMA CARTA PARA TI!!!!!!!!!!!PORQUE NADA SE COMPARA CONTIGO!!!!!!!!!!

 

Eu sei que não nos conhecemos muito bem e não quero te assustar.

Antes de mais, precisamos entender que antes de nos vermos e nos apaixonarmos, sim porque mãe e filha també se apaixonam, eu e tu tivemos uma história, uma vida.

E para falar a verdade, chegar ao ponto de estar aqui, e abrir-me contigo, não é fácil.

Mas eu estou aqui.

Carrego marcas muito profundas de amores que vivi.

E cada uma dessas marcas tem uma história muito forte.

Para estares comigo, precisas saber. Precisa entender que se eu recuo, não é por tua causa, mas é a minha maneira de me proteger.

Precisas entender que não tenho medo do amor, mas muito receio do que do que as pessoas podem fazer com ele.

Precisas saber que as minhas inseguranças são provenientes de anos e anos de dúvidas, mentiras, traições…

E que, se estou a partilhar isto contigo, neste momento, é porque as fraquezas que me tornaram a mulher que sou hoje.

Isto na esperança de que entendas que o problema não és tu, mas que tenhas respeito e atenção comigo e os meus sentimentos.

Precisas entender que às vezes eu vou ficar emocionada com alguma coisa que disseres ou não disseres, ou com um filme qualquer que estejamos a ver na televisão.

No mundo de hoje, não é muito comum alguém se emocionar com um abraço, ou um beijo roubado logo pela manhã.

Mas só depois de passar pelo que eu passei é possível entender como essas pequenas coisas são importantes.

Então sim, emociono-me muitas vezes.

 

Precisas entender que passei muitas noites acordada, a tentar entender as razões e os porquês de certos acontecimentos.

E que em muitas situações  me culpei.

Demorei muito tempo para entender que precisava passar por tudo aquilo para me tornar a mulher forte, perseverante, feliz e grata que está aqui na tua frente.

O meu coração é um terreno muito fértil.

Porém, foi muito maltratado pelo tempo e por quem passou por ele, então tornou-se uma terra com muito potencial, mas coberta por uma camada de proteção.

E para fazer com que ela volte a germinar, florescer e dar frutos para outra pessoa, é preciso que tu entendas que por aqui deves caminhar com muito, muito cuidado.

Deves regar com carinho diariamente, adubar com amor, proteger, sim porque eu preciso de proteção.

Não sou só eu que tenho obrigações, tu também tens.

E assim tu vais conhecer o melhor de mim e vamos compartilhar momentos incríveis.

Vamos compartilhar uma vida.

Entendo se quiseres parar por aqui.

Não gostaria, mas entendo e não vou te impedir.

Porém, se me deres à mão e resolver seguir em frente comigo, quero que saibas que serei uma mulher muito feliz.

Uma mãe muito feliz.

E tenho a certeza de que, se estou aqui na tua frente hoje, é porque decidi e quero compartilhar esta felicidade contigo.

Uma felicidade diária e genuína, construída com bases muito sólidas, conquistadas dia após dia.

Só peço que tenhas os mesmos cuidados com as minhas feridas assim como tenho com as tuas e não vou mais olhar para trás.

E é este o trabalho que faço diariamente.

Eu vou dividir o melhor de mim contigo.

Só peço que toques o meu coração com cuidado.

Mas posso dizer.

És única.

És tu.

És minha.

E nada se compara contigo.

UMA CARTA PARA A MINHA CRIANÇA!!!!!! TEM 16 ANOS MAS PARA MIM CONTINUA A SER PEQUENINA!!!

Um dia pode ser que tu entendas, pode levar algum tempo, anos, talvez uma vida inteira para tu compreenderes…

 

…Que todas as vezes que eu te olhava, eu admirava cada pedacinho teu, a tua perfeição e beleza incomparável!

 

Por inúmeras vezes, mesmo quando eu estava embrenhada em alguma tarefa e tu reclamavas por atenção, por um segundo eu impressionava-me com a tua imagem, e demorava a assimilar que tu eras minha! Minha, em sentido amplo, grandioso.

 


 

A medida que tu crescias, tu era menos minha e pertencias mais ao mundo, os sentimentos misturavam-se entre a felicidade e o orgulho em ver-te evoluir, acompanhar as tuas conquistas e ao mesmo tempo, lá no fundo, uma certa insegurança em não ter-te mais tão minha, tão perto, pouco a pouco tu te tornavas mais parte do mundo e então eu percebi que tu nunca me amarias tanto como na infância!

 

Eu abraçava-te e enchia-te de beijos e tu ora reclamavas, ora corrias e me abraçavas. Quando eu perguntava:
-Quando tu cresceres, como é que  vou ficar sem poder roubar-te abraços e beijos?
Tu dizes que não queres crescer e desejas ser eternamente criança!
Conforme tu crescias a vontade de continuar a ser criança ia dando lugar ao desejo de conquistar o mundo! Mais uma vez os meus sentimentos entravam em conflito, mas eu mantinha-me forte na missão de te educar para ser independente, forte, uma pessoa maravilhosa e do bem.

 

É impossível expressar em palavras a dimensão e o efeito do meu amor, pois ao mesmo tempo que ele me preenche com uma sensação de plenitude inigualável, ele também dói e rasga o peito por qualquer motivo, dos mais simples aos mais complexos.

 

Confesso que era necessário me policiar, para não te proteger contra tudo e todos, pois tu precisavas estar preparada para o mundo!

 

Hoje eu entendo que apenas passamos a entender as atitudes de nossos pais quando nos tornamos pai e mãe. Pais apenas querem acertar com seus filhos e sempre fazem o melhor possível de acordo com a sua capacidade, condição e a realidade do momento.
 
 
Já começaste a abrir as asas.
 
E isto é ser Mãe, ter a capacidade de te deixar voar.
 
Mas deixando sempre aberta a porta do ninho para sempre que queiras voltar.
 

Mais sobre mim

foto do autor

Links

  •  
  • Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D